domingo, 14 de novembro de 2010

IMPRESSÕES RÁPIDAS – Chevrolet Montana 1.4 LS

Neste sábado (13/11) fomos até uma concessionária Chevrolet mais próxima para fazer as Impressões Rápidas da Nova Montana. Lançada em 2003, a geração anterior da Montana vinha com design do Corsa, na época, o modelo tinha apelo agressivo com o visual e boas soluções, como o step-side (apoio lateral para o pé onde facilita o acesso a caçamba). Anos depois, a picape tinha visual que ficava para trás com suas novas concorrentes que chegavam com novos visuais. Vendo que isso estava acontecendo, a Chevrolet decidiu renovar a Montana, para isso a marca adotou na Nova Montana o design presente no Agile, no qual combinou mais com a picape por causa da frente alta.

Com o preço a partir de R$ 31.990 na versão básica (LS), a Nova Montana tem como principais diferenciais de suas concorrentes a capacidade de carga, com seus 758 kg, a picape lidera neste atributo das suas concorrentes. Já era de se esperar que com a mudança de visual e itens, a picape ficaria mais cara. Tanto no pacote simples quanto o que incorpora direção hidráulica (R$ 34.435), ar-condicionado (R$ 37.653) e vidros elétricos, travas elétricas, airbag e ABS (R$ 39.833). Acima da LS, se encontra a Sport (R$ 44.040), que vem mais equipada e que conta com a opção do kit Sport (igual ao do Agile, onde no hatch é disponível a Sport e Sunny).


 O interior é o mesmo do Agile. Já o pára-choque dianteiro recebeu um novo desenho, onde poderá ser o futuro do Agile na linha 2012. Desde a versão LS, tem como itens de série Acelerador Eletrônico, Aquecedor com Display Digital, Banco do Motorista com Regulagem de Altura, Protetor de Carter, Brake Light, Para-choques pintados na cor do veículo, Sistema de Luz follow me home, tampa traseira com chave, entre outros. Agora vamos falar de todos os pontos do design do carro.

FRENTE

A frente da picape é a mesma do Agile, só que o para-choque recebeu uma mudança onde ficou com uma impressão de ser maior e poderá originar o novo para-choque do hatch na linha 2012. Sua dianteira causou bem com o resto do conjunto do carro, isso ajudou a completar seu design. No teto da cabine, tem um ressalto que serve para suportar o brake-light. 


 TRASEIRA

Sua traseira tem uma tampa grande que remete ter grande porte, seu suporte de placa é grande como o do Agile, é grande onde ocupa quase toda a parte centra da tampa da caçamba. As lanternas têm coluna com grandes dimensões e tem cortes inspirado na lanterna do seu irmão de origem.


LATERAL

A porta da picape é a mesma do hatch de quatro portas, a lateral da caçamba recebeu modificações em relação à geração anterior. O step-side foi incluído no ressalto da lateral onde termina a alguns cm da porta. As caixas de rodas são grandes para quando se carregar a cara, não tenha necessidade de raspar no quebra mola.


GOSTAMOS

O design do Agile (que gera polêmicas) caiu muito bem na picape, os itens de série da versão topo também são recheados de atributos. O step-side que foi mantido também é uma das melhores opções do exterior para a facilidade quando se vão carregar cargas na caçamba. A regulagem de altura do banco do motorista é de séri desde a versão mais básica.




PODE MELHORAR

Uma das únicas coisas que não gostamos foi o volante que quando não é equipado com Air-bags tem design muito “franciscano” e a maçaneta interna é pequena e tem design estranho. Ah, também a tampa traseira não removível, que impossibilita carregar objetos de grandes dimensões.


Bom, a nota decidida para a Nova Montana é 7,0. O que comprometeu sua nota máxima foi a pequena lista de itens de série da versão LS, mais ela pode ser equipada com seus opcionais. A tampa da caçamba é grande e não dá para remover para carregar objetos de grande dimensão. As portas utilizam muitos plásticos. 


GALERIA DE FOTOS






 
AGRADECIMENTOS: Chevrolet Atlas - Orlândia * (Esta Impressão Rápida foi feita por Leonardo & Mateus)

5 comentários:

cRiPpLe_rOoStEr a.k.a. Kamikaze disse...

Só não gostei da tampa traseira ter o suporte da placa, eu prefiro a placa no parachoque pq possibilita remover a tampa traseira.

Os Formidáveis disse...

curti ela, mas tem detalhes que fazem o interno dela muito mais para passeio do que um utilitário. Visão da GM visto o modo como se tem utilizado e comprado carros ultimamente.

Leonardo disse...

Eu também gostei da Nova Montana, porém, acho que um dos grandes erros da GM foi ter posicionado o suporte de placa traseiro na tampa da caçamba, e não no pára-choque!

Anônimo disse...

You can buy medications for treatment of any case clip to get rid of the Cholesterol we already
have.

Also visit my web site; http://cholesteroloft.com/

Francisco da Silva Amadeu disse...

A GM VEM PECANDO NO ACABAMENTO INTERNA DESDE O VECTRA 2006. NO CASO DAS MAÇANETAS INTERNAS POR EXEMPLO, CASO QUEBRE (O QUE NÃO É RARO), VOCE PRECISA COMPRAR O REVESTIMENTO INTEIRO. E DIGA-SE DE PASSAGEM, NÃO SÃO NADA BARATOS, TODOS ACIMA DE R$ 600,00, ALGUNS ATÉ R$ 1.400,00. ISSO ELA NÃO INFORMA QUANDO TE VENDEM O CARRO. E ISSO SEM CONTAR QUE DEMORAM EM TORNO DE 30 DIAS PARA ENTREGAR A PEÇA. IMAGINE, QUANDO ESTE CARRO TIVER AI 5 ANOS DE USO, COMO SERÁ?